Carnaval 2018 Alegria Alegria

Programação oficial do carnaval 2018 começa antes do fim de semana em boa parte das festas no Brasil, e o número de atrações pode exigir certa programação dos foliões. Confira abaixo as agendas das escolas de samba, a programação dos blocos, dicas para curtir a folia na rua e para aproveitar a festa: Os desfiles das escolas de samba começam na sexta-feira (9), com a série A; já as escolas do grupo especial entram na Sapucaí no domingo (11) e na segunda (12). Veja a programação: 9/2 - Sexta-feira: Desfile da série A 10/2 - Sábado: Desfile da série A 11/2 - Domingo: Desfile do grupo especial 12/2 - Segunda-feira: Desfile do grupo especial 14/2 - Quarta-feira: Apuração dos desfiles das escolas de samba 17/2 - Sábado: Desfile das escolas campeãs do carnaval do Rio

As Fallas de Valência estão se aproximando e na Comunidade Valenciana estamos celebrando. Luz, cor e fogo irão inundar todo o litoral do Mediterrâneo por vários dias. Desde esta terra acolhedora, convidamos você a conhecer e experimentar plenamente as Fallas de Valência , declaradas em 2016, Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela Unesco e, sem dúvida, o festival mais conhecido internacionalmente. Durante cinco dias, os castelos, os mascletás e os monumentos de fallas serão os protagonistas. O cheiro de pólvora está misturado com as melhores fragrâncias de flores e a música das bandas com o som de mascletás das Fallas de Valência. Em 19 de março, tudo termina e tudo começa. Com as últimas cinzas, começa a sonhar novamente com a celebração das Fallas de Valência no ano seguinte. Mas ... O que está por trás dessas festas espetaculares? Las Fallas de Valência é um concurso de arte, engenhosidade e bom gosto. Na semana de 19 de março, em San José, a cidade está cheia de gigantescos monumentos de papelão, denominados "ninots", que são preparados por meses e depois queimados.

Las Fallas de Valência, um show de origem medieval

A palavra falha, significa tocha no valenciano medieval. Por esse motivo, sua origem se remonta ao paroto dos carpinteiros. Era uma lâmpada de madeira com a qual eles iluminavam as oficinas no inverno, mas depois queimaram na rua na véspera do St. Joseph's Day, pois, com a chegada da primavera, não mais as precisariam. Estes foram adornados com velhos trapos para dar-lhes um aspecto mais humano, mas, em meados do século XIX, começaram a aumentar o volume e a altura, de tal maneira que eles melhoraram suas formas, finalmente, transformando-os em bonecas decorativas monumentais que são agora o que chamamos de falhas. Embora os eventos mais importantes das Fallas de Valência sejam celebrados durante a semana de 15 a 19 de março , a partir de 1º de março você pode viver a atmosfera festiva em Valência. É na manhã do dia 16 de março, quando podemos ver todas as falhas que geralmente são representações satíricas, que com um grande senso de humor criticam pessoas famosas, políticos ou eventos atuais.

Cabo Frio, Rio de Janeiro - RJ

Uma das joias da Região dos Lagos carioca, Cabo Frio encanta por suas belas paisagens naturais e povo acolhedor. Dunas de areia branquinha e praias de águas cristalinas fazem a festa dos veranistas – seja para quem quer relaxar e pegar um sol, seja para quem quer mergulhar ou praticar esportes náuticos (surfe e iatismo são hits por lá) e até naturismo! Dá para fazer compras no Boulevard Canal e na Rua dos Biquínis, e curtir a noite animada nos bares da Avenida do Contorno. E em janeiro, uma atração extra para os foliões: o Cabofolia, a maior micareta e Carnaval fora de época do Rio de Janeiro.

Fernando de Noronha, Pernambuco

Quem vai curtir o Carnaval de Recife e Olinda pode aproveitar para esticar o passeio e conhecer a simpática e aconchegante Sirinhaém, a cerca de 76km da capital pernambucana. O que a cidade tem de pequena – cerca de 45 mil habitantes – tem de bonita. Praias como Barra do Sirinhaém, Gamela e Guadalupe impressionam por suas extensas faixas de areia dourada e muitos coqueiros, e a Ilha de Santo Aleixo, situada em mar aberto, é um convite para um mergulho preguiçoso em suas águas rasas e quase sem ondas. O município ainda guarda vários monumentos históricos bacanas, como engenhos de açúcar, igrejas, casarões do século 19 e o Convento de Santo Antônio, construído em 1645.